Titan Of Távora-Varosa Daemon Branco 2019

RIEDEL Mind the Glass

Távora-Varosa – 12% – PVP: 20 Euros – Nota: 90+/18

Um vinho aromaticamente muito complexo, destacam-se, num primeiro plano, os aromas florais, a fruta de caroço, os amendoados e a mineralidade. Num plano secundário e complementar revelam-se as especiarias, mel, e chá. O palato evidencia fruta cítrica, leve manteiga, especiarias e fruta de caroço.

A complexidade evidenciada encontra-se elegantemente embricada com o trabalho enológico e “terroir”. Puro caráter.

Vinificação: As uvas foram desengaçadas e sem seguida prensadas em prensa pneumática e o mosto resultante, em cuba de inox, decantou durante 48 horas. A fermentação alcoólica iniciou-se a temperatura controlada em inox, seguindo posteriormente para barricas de carvalho francês, onde estagiou por mais 12 meses com levantamento das borras finas com regularidade.

Castas: Gouveio (30%), Cerceal (30%) e Malvasia Fina (40%)

Aspeto: Pálido e amarelo.

Nariz: Intensidade média, floral, pêssego, leve biscoito, amêndoa, leve pimenta branca, leve chá, leve mel e pedra molhada.

Boca: Seco, acidez média(+), álcool médio(-), corpo médio, intensidade média (+), pêssego, leve lima, leve manteiga, leve mel, leve pimenta preta e final longo.

Produtor: Luís Leocádio

Projeto: Este projeto tem as vinhas implantadas no Sopé da Serra do Reboredo, em Paredes da Beira, no ponto a maior altitude do Douro. A zona tem solos de granito recortados por filões de quartzo e situam-se entre os 700 e os 1000 metros de altitude e possui um grande património de vinhas centenárias. Recentemente, o projeto estendeu-se a Távora-Varosa realizando vinhos a partir de parcelas de vinha plantadas a uma altitude de 650 metros, com um solo granítico, pobre e acidentado.

Enólogo: Luís Leocádio

Condição de Prova: Ao jantar.

Temperatura de Serviço: 12º

Data de prova: 14/2/2022

Deixe uma resposta