Herdade da Mingorra Reserva Tinto 2016

RIEDEL

Regional Alentejano – 14% – PVP: 14 Euros – Nota: 86/17

De cor rubi aberto. Um vinho no qual se destacam aromas e sabores a fruta preta, baunilha, fruta vermelha, chocolate e alguma evolução. Boa harmonia entre doçura e acidez.

Uma boa escolha para quem aprecia a presença de barrica e alguma evolução.

Vinificação: As uvas fermentaram em lagares tradicionais com temperatura controlada. O vinho estagiou em barricas de carvalho francês durante 12 meses.

Castas: Alfrocheiro, Alicante Bouschet, Syrah e Touriga Nacional.

Aspeto: Intensidade média e rubi claro.

Nariz: Intensidade média, cereja, ameixa, chocolate, pimenta preta, baunilha, leve caruma e leve caixa de tabaco.

Boca: Seco, acidez média(+), álcool médio(+), corpo médio(+), intensidade média(+), cereja, ameixa, baunilha, leve cogumelo e final médio.

Temperatura de Serviço: 18º

Condição de Prova: Sem acompanhamento de comida.

Projeto: A Herdade da Mingorra compreende um total de 1.400 ha de área, referentes a três propriedades: Herdade da Mingorra, Sociedade Agrícola do Barrinho e Herdade dos Pelados. Para além dos 135 ha relativos à vinha, o projeto dedicou 210 ha ao olival com rega, 200 ha de amendoal em regime intensivo. O restante encontra-se ocupado com culturas tradicionais e floresta.

Produtor: Mingorra

Enólogo: Pedro Hipólito

Capacidade: Standard (0,75 L)

Data de prova: 16/5/2021

Observações: Amostra gentilmente fornecida pelo produtor.

Deixe uma resposta